segunda-feira, 26 de abril de 2010

9º Circuito da Liberdade - Amares










Cerca de 250 atletas participaram no 9º Circuito da Liberdade / Prémio Câmara Municipal de Amares, prova destinada às categorias de benjamins, iniciados, infantis, juvenis e cadetes que assinalou o arranque do Troféu Revelações ACM 2010.
http://www.acm.pt/noticias.php?id=1179

sábado, 24 de abril de 2010

Laúndos














Situa-se em Laúndos um dos mais belos miradouros sobre a Póvoa de Varzim.
Basta subir ao Monte de S. Félix e admirar, a poente, a planície litoral e,
a nascente, a ondulada e verdejante região interior.
No sopé deste miradouro encontra-se a igreja de Nossa Senhora da Saúde e no cume curiosos moinhos, além da capela do santo que lhe dá o nome.

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Arcos de Valdevez










A Ponte Sobre o Rio Vez, também conhecida pelo nome de Ponte da Vila,
é talvez das pontes mais características de toda a região Norte.
É uma construção do século XIX, iniciada em 1876 e finalizada em 1880,
que substituiu a antiga ponte medieval, da qual não restaram elementos arquitectónicos.
Sabe-se apenas que o antigo monumento era constituído por quatro arcos,
de volta redonda, apoiados em fortes pegões, sem olhais, e com talhamares.
Existiam também duas rampas de acesso,
que subiam desde cada uma das margens do rio Vez até um patamar plano.
Daqui vem o nome da vila, sendo que o topónimo «Arcos» aparece já referenciado em 1258.
A ponte sobre o rio Vez demonstrou ser um elemento de ligação essencial para o florescimento de toda a vila e de toda a região.
http://www.lifecooler.com/edicoes/lifecooler/desenvRegArtigo.asp?art=1225&rev=2

segunda-feira, 12 de abril de 2010

1º DHI Bike Park Caldelas









Promovido pela Associação de Ciclismo do Minho, o 1º DHI Bike Park Caldelas, segunda prova do Campeonato Regional do Minho de BTT (DHI) - Liberty Seguros, foi disputado no monte São Pedro de Fins (Caldelas, Amares), um local procurado para a prática de parapente e de BTT que proporciona uma vista panorâmica sobre os vales dos rios Homem e Cávado.O 1º DHI Bike Park Caldelas teve o apoio da Liberty Seguros, Câmara Municipal de Amares, Cision, Reclamos Vitória, Bike Magazine (revista oficial), Mais Portugal, Bar do Ar, Bike Zone e Sportsmania.O Campeonato Regional do Minho de BTT (DHI) é este ano apoiado pela Liberty Seguros, empresa presente em Portugal desde 2003 e que tem apoiado diversas actividades da Associação de Ciclismo do Minho, entre as quais, o Bike Tour – Dia Um de Portugal. A Liberty Seguros Portugal foi das primeiras entidades subscritoras do "jogo limpo", manifesto em defesa da ética desportiva promovido pela Associação de Ciclismo do Minho com o apoio da Federação Portuguesa de Ciclismo. A Liberty Seguros aponta valores como a solidariedade, o espírito de equipa, a dedicação, o empenho no trabalho e a responsabilidade para com a comunidade como dos mais importantes, regendo e estando em sintonia com a sua missão: Pela protecção dos valores da vida.

domingo, 11 de abril de 2010

Lá minuta









Ao passar hoje por Vila Vede,
reparei numa máquina fotográfica à lá minuta,
estrategicamente colocada no largo principal da vila,
à caça de potenciais clientes.
Foi então que conheci o Sr. António Gomes,
famoso fotógrafo lá prós lados da Sr.ª da Peneda,
com estabelecimento aí montado.
Depois de alguma conversa e a troco de 5 Euros mais uns trocos,
resultou no que estas fotografias documentam,
uma foto à moda antiga.
Interessante a forma como se processa, tudo está dentro da caixa,
máquina fotografica, ampliador e líquidos.
É impressionante como as coisas mudaram,
de qualquer maneira não substituem a arte do Sr. António,
homem de 76 anos com mais de 63 dedicados à fotografia,
quer trabalhar só até aos 80, depois é para rebentar com o dinheiro, (disse ele).
Surpreendeu-me o espírito deste homem.
Ficamos amigos.

terça-feira, 6 de abril de 2010

Queima do Judas










Personificado por um tosco boneco que é ciclicamente imolado num auto-de-fé popular, proporcionando deste modo uma catársica e regeneradora destruição, a insólita "Queima do Judas" consubstancia ainda uma inegável sátira à abstinência quaresmal que, na morte do Iscariotes, encontra a vingança há tanto tempo ansiada. O “apóstolo maldito” serve, deste modo, de bode expiatório dos malefícios da obrigatória frugalidade da Quaresma, bem como de arquétipo daquilo que é velho e gasto e se rejeita ritualmente destruindo-se pelo fogo, pela espada, pelo apedrejamento, pelo afogamento, pelo enterramento!Como em outros costumes semelhantes, também aqui simbologias arcanas se aditam a funcionalidades críticas diversas, conjugando-se tudo para fazer destas práticas modelos tradicionais susceptíveis de se perpetuarem até aos nossos dias.

quinta-feira, 1 de abril de 2010

Semana Santa









A solene Procissão dos Passos oferece aos espectadores,
em quadros alegóricos e encenação dramática, o mesmo que,
na Missa de Ramos foi lido no evangelho da Paixão.
Nela desfilam as figuras que intervieram no julgamento,
condenação e morte de Jesus:
soldados, algozes e inimigos;
mas também Cireneus e amigos, Madalenas arrependidas e piedosas mulheres.
O próprio Jesus, o «Senhor dos Passos», levando a cruz às costas,
atravessa as ruas da Cidade, como outrora percorreu as de Jerusalém.